Pesquisar este blog

domingo, outubro 17, 2010

Amor verdadeiro.


Tem um certo brilho estranho em meus olhos, acompanhado por um sorriso involuntário.
Talvez eu ainda seja muito nova para escrever minha própria história, mas posso escrever sobre o que sou agora. Possuo as melhores pessoas do mundo ao meu lado. Tem um tal de Gustavo que carrega contigo uma inteligência e uma simpatia nada comum. Tem um tal de Victor que sempre tem as palavras certas e um sorriso no rosto, sempre tentando fazer alguém sorrir. Tem uma Marina, melancólica como só ela, mas que me diverte, além é claro de me compreender. Tem um tal de Matheus que sempre esta ali oferecendo conforto a quem precise, mas que precisa ver que as vezes, alguém pode ajudá-lo quando ele precisar. Tem uma Bianca que toda vez que você se pergunta porque escolheu ser assim, meio estranha, esta pronta para te mostrar que você é mesmo assim e sua felicidade esta ali. E claro, tem um tal de Clayton. Sabe, alguns julgam o porque eu gosto tanto desse garoto, mas quem faz isso realmente não me conhece. Ele, claro além de encantador, sincero, verdadeiro e único possui um valor incalculável para mim. Foi ele a primeira pessoa que me fez realmente procurar saber quem eu sou para que assim, pudesse ajudá-lo. Ele também acreditou em mim sempre que alguém julgou minha capacidade de fazer algo. Sei que neste momento ele esta se perguntando quando foi isso, bem, foi a cada vez que eu te disse para sonhar, foi a cada vez que eu te disse para acreditar. Essas foram as poucas vezes que eu possuía absoluta certeza do que estava falando. Tinha consciência de cada palavra. Tenho outras pessoas que são extremamente importantes, mas essas, ESSAS PESSOAS, me tornaram quem eu sou. Elas estão ao meu lado o tempo inteiro sem serem obrigadas por um título familiar e sem pedirem nada em troca. A única coisa que pedem é que eu seja eu e que as faça companhia. E por isso eu as amo. Sabe, essas pessoas são as que jamais esquecerei. Elas me trouxeram esse amor verdadeiro que todos procuram tanto. Ao olhar de qualquer pessoa no mundo, nesse momento, eu posso não ser ninguém, mas sei que estou presente nos mundos de vocês e obrigada por isso. Obrigada por me deixarem fazer parte dos seus mundos. Obrigada por fazerem de mim eu mesma.
“Você pode escolher entre ser normal ou ser você. Eu escolhi ser eu mesma e carregar um sorriso junto ao coração” - Priscila Cristeli

Um comentário:

  1. adoreei véi ! o meu amoor, eu te amo ce sabe .. e eu é que agradeço todos os dias por ter voce na minha vida ... asim como os outros também, Victor, Marina, Bia, todos voces são TUDO pra mim, e é por isso que amo muito voces . ♥ thank you.

    ResponderExcluir